Inteligência Artificial: veja de onde surgiu e exemplos atuais

Weni

|

30 de março de 2022
5 min. de leitura
Conteúdo
Avatar
Weni

|

30 de março de 2022
5 min. de leitura
Inteligência Artificial: veja de onde surgiu e exemplos atuais

As maravilhas tecnológicas atuais parecem ter saído de filmes de ficção científica, mas não! Elas são reais e podem auxiliar — e muito! — nossas tarefas diárias. Uma das mais notórias é a inteligência artificial, ou IA. 

Ao contrário do que muitos imaginam, ela está mais próxima da nossa rotina do que imaginamos, e não somente com robôs humanizados como na televisão. Quando você acorda, sai da cama e mexe no celular, pode já estar lidando com a Inteligência Artificial. 

Para as empresas, essa é uma aplicação que vem sendo o divisor de águas para captar clientes, fidelizar consumidores, reduzir custos operacionais e elevar o nível dos seus processos. 

Neste post, falaremos um pouco sobre ela. Acompanhe-nos!

O que é Inteligência Artificial? 

Inteligência Artificial é o ramo das ciências da computação que se encarrega das pesquisas que visam desenvolver dispositivos capazes de resolver problemas. São equipamentos, sistemas e aplicativos que simulam a cognição humana.

A lógica de programação aplicada é diferente da convencional, apesar de utilizar a mesma linguagem. Pesquisas desenvolvidas nesse campo, comumente associam-se a estudos de neurociência, assim, consegue-se compreender as redes neurais do nosso cérebro.

Com essa abordagem, aplicações tentam simular as sinapses das conexões neurais humanas por meio da linguagem de programação e interpretação de dados digitais.

LEAI MAIS | Conheça a Ebia: Estratégia Brasileira de Inteligência Artificial 

Quando surgiu a Inteligência Artificial? 

Desde a década de 1940  que a Inteligência Artificial (IA), já se esboçava como uma tentativa de criar funcionalidades para o advento do computador. Foi também nessa década, que a eclosão da Segunda Guerra Mundial impulsionou as pesquisas com a finalidade de desenvolver armamentos e tecnologias bélicas.

Porém, essa tecnologia teve sua definição conceitual nos idos dos anos 1950, na Universidade de Carnegie Mellon. Os cientistas Herbert Simon e Allen Newell foram os pais dessa ciência, criando, nessa universidade, o primeiro laboratório dedicado à inteligência artificial no âmbito acadêmico.

Como a Inteligência Artificial funciona e como aplicá-la? 

Estudos nesta área têm diferentes abordagens em cada uma das áreas em que se aplicam. Na robótica, por exemplo, dedicam-se a experimentos com simulação de funções motoras humanas.

Nos estudos da linguagem e da computação, pesquisa-se inteligência artificial para síntese da voz humana. Outro aspecto investigado é a construção de dispositivos com programações que os possibilitem a compreensão da linguagem articulada humana.

O objetivo é fazer com que, muito em breve, nossa comunicação com as máquinas seja muito mais efetiva.

A indústria de games é outro exemplo de utilização das vantagens da IA. Nos jogos, ela é aplicada aos oponentes do jogador. Através desse recurso, são possíveis diferentes níveis de desafio para enfrentar a CPU.

Inclusive, nos jogos de esportes em que esportistas reais são retratados, esses personagens são reproduzidos com características fiéis ao seu modo de jogar. Então, utiliza-se da inteligência artificial para criar esses oponentes habilidosos inspirados em humanos.

Além disso, uma das aplicações comuns na nossa rotina e que você encontra em diversos sites são os chatbots. Sempre que você precisa de atendimento rápido, eles estão lá para ajudar com dúvidas e problemas comuns. 

LEIA MAIS | Conheça 6 aplicações da Inteligência Artificial para empresas 

Fique tranquilo: não é como nos filmes

Com a IA, nunca se objetivou criar seres humanos sintéticos. As pesquisas em robótica são realizadas em áreas específicas, por isso, as especulações sobre a produção de robôs que possam se rebelar contra seus criadores é fantasiosa, coisa de Hollywood.

Na verdade, a inteligência artificial está muito mais presente no dia a dia do que se pensa. Alguns mecanismos comuns, como os corretores ortográficos dos softwares ou o foco automático com detecção de gestos nas câmeras digitais, podem ser exemplos.

iPhone mostrando a Siri funcionando

Conheça os chatbots

Desde 2016, a IA tem se destacado com uma nova e importantíssima funcionalidade: interagir conosco aprendendo com nossas palavras. Tratam-se dos chatbots, que utilizam mecanismos de inteligência artificial que interagem com o usuário por meio do que ele escreve em chats ou mecanismos de busca.

Diferente das tecnologias anteriores que apenas possibilitavam respostas únicas para determinadas ações do usuário, os chatbots oferecem diferentes reações, que vão se modificando de acordo com critérios mais personalizados.

Eles basicamente simulam uma conversa, auxiliando em tarefas como pedir um táxi, ou, até mesmo, marcar uma consulta via aplicativos.

Agora que você já está mais familiarizado com a Inteligência Artificial e o uso de chatbots, viu como eles são essenciais na nossa rotina. 

 


E você? Encantado com o admirável mundo novo da inteligência artificial?
Que tal conhecer o universo dos chatbots, então? 😉

.


Weni é uma empresa de Inteligência Artificial aplicada na comunicação.Existimos para libertar o potencial humano e permitir que organizações de todo o mundo escalem o relacionamento com o público.Já impactamos milhões de pessoas com projetos em diversos estados brasileiros e em mais de 40 países.

Conteúdos relacionados

Copyright © 2022 Weni. All rights reserved.