Alunos inadimplentes: usando chatbot na automação de cobranças

Camila Morais

|

3 de março de 2022
7 min. de leitura
Conteúdo
Avatar
Camila Morais

|

3 de março de 2022
7 min. de leitura
Alunos inadimplentes: usando chatbot na automação de cobranças

As instituições de ensino precisam saber o que fazer com seus alunos inadimplentes, por isso vamos esclarecer todas as dúvidas sobre essa questão neste artigo.

Leia até o fim e descubra:

  • como lidar com a inadimplência escolar;
  • quais são os direitos da escola ou curso, além de elucidar os direitos dos alunos;
  • de que forma tratar sobre esse assunto relacionando a renovação de matrícula e até mesmo a entrega de diploma.

Além de respostas para essas e outras dúvidas comuns, conheça maneiras de reduzir a inadimplência com o uso do chatbot de cobrança, minimizando a tarefa difícil de cobrar os estudantes com a automação — ou ainda que eles se tornem inadimplentes por mero esquecimento das datas de vencimento. 

Afinal, a tecnologia personaliza o contato e realiza um diálogo estruturado no atendimento ao usuário, sendo configurado com inteligência artificial para garantir um relacionamento saudável e tornando o setor financeiro mais eficaz em suas cobranças.

Logo, continue lendo e resolva as pendências financeiras dos alunos inadimplentes com uma nova abordagem. Melhore a rotina da instituição sabendo como interagir com esses estudantes da melhor forma.

O que fazer com alunos inadimplentes?

Os alunos inadimplentes assumiram um compromisso financeiro ao assinar o contrato de prestação de serviços educacionais, porém a Lei n° 9.870 garante direitos como:

  • proibir a suspensão de provas;
  • não exigir os documentos de comprovação de pagamento das instituições anteriores;
  • não reter documentos escolares;
  • permitir o acesso às aulas;
  • não submeter o aluno a alguma situação de constrangimento no momento da cobrança.

Desse modo, somente após o prazo de 90 dias em atraso que a instituição pode recorrer judicialmente para receber os pagamentos e incluir os inadimplentes no cadastro de proteção ao crédito.

Assim, a organização ao tomar essa decisão precisa notificar o responsável. Se depois dessa ação, o valor devido for pago, a instituição deve retirar o nome do até então devedor do SPC em até 5 dias.

Portanto, mesmo diante de problemas com a inadimplência de alguns alunos, fique atento às práticas permitidas por lei, negocie com o estudante e tente chegar a uma proposta positiva para os dois lados. 

Aluno inadimplente pode receber diploma?

Como adiantamos no tópico acima, a instituição não pode reter os documentos do aluno, inclusive seu histórico escolar e diploma de conclusão.

Dessa forma, essa sanção é proibida de ser aplicada de acordo com a legislação, sendo um direito do estudante receber seus documentos devidos.

Essa situação se caracterizaria como constrangimento ou pressão para quitar as mensalidades. Ainda existe a possibilidade de acarretar um processo por danos morais ao reter o diploma devido ao atraso de pagamento.

Aluno inadimplente pode renovar a matrícula?

É possível negar a rematrícula ao ano letivo seguinte para evitar que a inadimplência se estenda.

Logo, é necessário que a instituição aguarde o período correto ao desvincular esse aluno, isso não podendo ser feito durante o calendário escolar.

Ou seja, o estudante inadimplente não tem direito à renovação de matrícula e essa condição só se altera caso haja alguma negociação da dívida.

Essa situação permite a liberdade para a instituição exigir o pagamento das mensalidades, executando o contrato e sem ter a obrigação de oferecer novas condições para quitar os valores.

Conheça a automação de cobranças e entenda seus benefícios

Oferecer os melhores canais para negociar dívidas é deixar a instituição em uma posição mais acessível e facilitar um acordo para que haja a regularização dos débitos de alunos inadimplentes.

Essa é uma forma de utilizar a tecnologia da automação e da Inteligência Artificial para beneficiar tanto a instituição quanto otimizar o atendimento e relacionamento com o seu aluno. 

LEIA MAIS | Como a Inteligência Artificial pode contribuir para a educação

Assim, use a automação de cobranças ao mostrar que a organização está disponível por meio de chats na homepage, mensageiros como o WhatsApp e redes sociais para tirar dúvidas, gerar boletos e segunda via.

Além disso, a utilização da tecnologia evita conflitos e permite interações amigáveis, a fim de não desgastar ainda mais o relacionamento com esses alunos.

Os procedimentos de cobrança são um cenário desconfortável para ambas as partes, então entenda como não gerar constrangimento e até mesmo reduzir a inadimplência.

Implemente uma rotina automática e inteligente chegando ao estudante com o uso do software chatbot e deixe seu atendimento personalizado para oferecer uma negociação digital.

Simplifique o processo e realize cobranças com essa tecnologia inovadora e eficiente.

Como a automação pode reduzir a inadimplência na instituição

O uso de múltiplos canais facilita muito a cobrança e gera oportunidades de conciliação e pagamento da dívida.

Afinal, se o estudante pode realizar negociações a qualquer hora, sua experiência de contato com a instituição melhora consideravelmente.

Ele pode enviar mensagens de texto para não falar sobre suas dívidas por meio de um atendimento. Ou ainda compartilhar informações por WhatsApp através de um chatbot que está sempre disponível.

Assim, os alunos inadimplentes escolhem entre uma variedade de plataformas por qual lugar prefere se comunicar: SMS, mensageiro, e-mails ou o chat no site da instituição.

Esse é um método muito mais confortável que as ligações telefônicas e mostra a disposição da empresa para resolver essa situação.

O setor de cobranças também pode disparar mensagens de lembretes para pagamento, evitando esquecimentos quanto às datas de vencimentos: tudo enviado simultaneamente e de forma automática aos alunos!

Veja que a cobrança é facilitada por meio da tecnologia com o uso do chatbot.

Chatbot de cobrança para alunos inadimplentes

O chatbot para cobranças está presente constantemente através do SMS, WhatsApp, mensagens por voz, e-mail e aplicativos diversos para ajudar os alunos inadimplentes a se regularizarem com a instituição.

Logo, o acesso à organização é simples e as respostas são imediatas, enquanto o relacionamento com os estudantes não é afetado de forma negativa e a automação torna a troca de mensagens prática.

Na sua instituição, você pode usar essa tecnologia para mostrar disponibilidade e ainda diminuir seus custos operacionais. Isso é possível porque um robô com inteligência artificial é capaz de agilizar processos do SAC na rotina financeira.

Assim, os chatbots de cobrança melhoram o relacionamento com seu público mesmo em situações difíceis como a inadimplência.

Além disso, eliminar o desconforto do contato com a instituição é impactar positivamente na comunicação e facilitar o pagamento de dívidas.

Gostaria de saber mais sobre como evoluir na experiência com alunos inadimplentes, sendo mais acessível no atendimento digital e beneficiando a situação financeira da instituição? 

Veja como a Weni Plataforma atua oferecendo a melhor forma de se comunicar com chatbots.

Conteúdos relacionados

Copyright © 2022 Weni. All rights reserved.